Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2017

[PERNADA NAS CAPITAIS] 2 fev./2017

Correr é natural, moda, ..., é qualidade de vida. O CORREFOR (Corredores de Fortaleza) e Atletas do Futuro realizaram no dia 05/02/2017 a Pernada nas Capitais – Desafio Aquiraz/Fortaleza-CE. A Pernada pode ser definida como um treino organizado que apresenta como objetivo oferecer um longão de 25 km, distância aproximada que separa a antiga capital do Ceará, Aquiraz, da atual, Fortaleza. Com largada na Praça Matriz de Aquiraz, ao som das badaladas do sino da Igreja, cerca de 170 desportistas percorreram 25 km pela CE-040, praticamente todo pela ciclovia, até chegarem no Anfiteatro do Parque do Cocó em Fortaleza. Para a realização do treino contamos com socorristas, translado Fortaleza-Aquiraz, hidratação a cada 3,5 km (garrafa 500 ml), 4 postos de rapadura, 1 posto de isotônico e na chegada banana, melancia, rapadura, isotônico, água, cerveja e uma linda medalha. Detalhe para a contribuição de R$ 40,00 (quarenta reais) por pessoa, fato que vem despertando o interesse por treinos organi…

[AÇÃO e MOVIMENTO] Sou Corredor Cidadão

Sabemos que existem vários tipos de corridas que apresentam ou não fins lucrativos, mas em todo caso teremos uma série de itens que deverão ser comprados e pessoas para participarem de toda a logística. Vamos tentar imaginar o tempo que é necessário para a organização realizar uma corrida:
1 – Escolher data; 2 – Definir percurso; 3 – Fazer as artes para promoção do evento; 4 – Correr atrás de patrocínio elaborando ofícios, ligando, participando de reuniões, ...; 5 – Fechar o valor da inscrição; 6 – Pagar inúmeras taxas; 7 – Alugar o espaço para a entrega dos kits e/ou inscrição presencial; 8 – Selecionar e remunerar várias pessoas, pois na logística temos entrega dos kits, postos de água, guarda-volumes, inscrição, divulgação, entrega de medalhas, ...; 9 – Selecionar, comprar e/ou alugar vários itens ou serviços; ...
Realizar um excelente evento requer muito tempo e todo o trabalho deve ser recompensado. O lucro tem que existir mesmo, trata-se de um serviço e quem não realiza a inscrição…